O que fazer antes de partir para missões ou estudar em um seminário

 

Desde que fui pra Bethel, já encontrei com muitas pessoas, principalmente jovens, que me falaram o quanto eles gostariam de fazer uma escola bíblica fora do país também; ou fazer missões na África ou numa tribo indígena, entre muitas outras coisas. Eu acho tudo isso muito válido e totalmente importante e necessário para o crescimento do Reino. Nós PRECISAMOS apoiar missões! Mas esse desejo não pode, de jeito nenhum, limitar a realidade na qual você se encontra HOJE! Pois não se trata apenas de uma decisão relacionada a uma mudança geográfica, mas de um estilo de vida.

Se você  crê que tem um chamado ministerial, de até mesmo ir para outro país, quero deixar 4 princípios que pude aprender e observar nesses últimos anos.

1- Sirva à uma igreja local
Já tive conversas como essa:
– Muito legal todas essas viagens que você faz. Eu quero muito fazer missões na África!
– Muito maneiro! Você serve em qual área da igreja?
– Nenhuma… mas tenho vontade…

Isso não faz nenhum sentido! Você quer dedicar a sua vida à servir, mas não serve à sua própria família espiritual?
Plante hoje para aquilo que você deseja colher daqui alguns anos. Caminhe na direção do chamado de Deus pra sua vida. Comece hoje! Esteja pronto para subir ao púlpito para compartilhar uma mensagem e também esteja pronto para desentupir a privada e limpar o chão do banheiro, sendo que esse último deve acontecer muito mais do que o primeiro! haha

 

2- Sirva à sua cidade
Se você deseja ir em missões, você tem que aprender à servir ao local em que você se encontra. Não pense que será tudo mágico e será tudo melhor naquele lugar que você nem conhece. Tudo pode ser novo e diferente, mas os desafios irão te encontrar mais cedo ou mais tarde e você precisa permanecer firme. 
Como aluno da Bethel, a gente saía para limpar a cidade, orar pela cidade, etc… 
“Mas eu não conheço ninguém que faça isso…”. Então comece algo novo! Seja a mudança que você deseja ver!

 

3- Honre à sua família
Esse é um tópico mais delicado quando se trata a responder um chamado. Mas vou deixar aqui um breve relato que talvez te inspire a ir além.
Em 2010 eu estava na metade do curso de Comunicação Social e tinha acabado de conseguir um trabalho em um banco privado. Num período de 1 ano, eu recebi duas promoções, entrando para o quadro gerencial. Tudo cooperava para o meu crescimento lá dentro, mas no início de 2012 eu comecei a sentir que um tempo de mudança estava chegando. Assim, alguns meses depois, eu saí da empresa e logo em seguida me formei. No dia seguinte da entrega da monografia, Deus começou a reavivar sonhos no meu coração: era hora de sair do Brasil.
Apesar da condição financeira, meus pais, em todo o momento, buscaram sempre dar o melhor quando se tratou de investir na minha vida e na do meu irmão. Por isso, eu sabia que a decisão que eu estava prestes a tomar seria um grande desafio para se aceitar porque, talvez, o natural fosse tentar um concurso público ou começar uma pós, em rumo à uma vida mais estável.
Muitas vezes o medo quer nos dizer: eu vou fazer isso e ponto, eles aceitando ou não. E as vezes a gente tem a condição de simplesmente fazer. Por exemplo: o dinheiro que eu tinha juntado para dar entrada em um apartamento talvez fosse o suficiente para sobreviver dois anos no exterior. Mas aonde está o seu coração?
Eu sabia que não era assim que eu queria sair de casa. O que muitos jovens não percebem é que dentro de casa temos as pessoas que mais nos amam nesse mundo! Muitas vezes pensamos diferentes, mas eles são aqueles que SEMPRE vão querer o nosso melhor. Por isso fui conversar com eles, falei o que Deus tinha colocado no meu coração e aos poucos eles foram cheios de paz e me abençoaram tremendamente. Deus quer fazer grandes coisas em sua vida. Mas que você seja um canal de benção, primeiramente, dentro de casa!

4- Que o amor seja o fundamento
Todos os dias Deus coloca em nosso caminho para amar.
“Quero alimentar as crianças que moram no lixão da Guatemala”, “Quero entregar a minha vida para servir como missionário na África”. Isso é excelente! Mas talvez você possa começar simplesmente dando “olá” ao seu porteiro ou abençoando o garçom que serviu seu almoço. Você pode encorajar um colega de trabalho ou buscar servir melhor o seu chefe. Coloque um sorriso no seu rosto! Você é feliz ou não é? haha
Quando eu digo que o amor seja o fundamento é para que nem a performance e nem a urgência de fazer alguma coisa “radical” por Jesus seja a sua motivação. Mas que o “ide” seja do momento em que você levantar até o momento de se deitar, não como uma obrigação, mas como um estilo de vida, simplesmente porque você é amado, logo você não pode conter esse amor que está dentro de você!

 

Leia também:
4 Dicas para um Evangelismo Sobrenatural
3 Princípios sobre como curar os enfermos
Você não será curado

Um comentário sobre “O que fazer antes de partir para missões ou estudar em um seminário

  1. Muito legal, concordo plenamente com esses princípios. Nosso chamado é resultado dos pequenos atos, que na verdade tem um grande proposito. Antes de fazer missões na Africa, faça missões na sua rua…. Deus lhe abençoe Gabriel a cada artigo sou bastante edificada. Fica na paz, irmão!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s