Os Religiosos São Os Outros

priestEu acho muito interessante como Deus tem quebrado preconceitos em minha vida que nem eu mesmo não sabia que tinha. E falo isso com relação aqueles que chamo de “irmãos em Cristo”. Ou seja, pessoas que acreditam em Jesus como Salvador, porém são de outras denominações.

Nesses últimos anos tenho tido a oportunidade de pregar em lugares bem diferentes daqueles que eu estava acostumado a frequentar. Bem diferentes mesmo! Com diferentes culturas, custumes e liturgias. E, apesar de tudo, nesses mesmos lugares eu também tenho conhecido pessoas incríveis com sede de transformação e com corações genuínos.

Mas sabe o que eu também tenho descoberto? Que o “religioso” e o “legalista” é sempre o outro! Ou seja, ao que parece, travamos um “Guerra Fria” em nosso meio onde o que sobra é rancor, amargura, crítica… Assim, quando pregamos que Deus veio restaurar o Seu relacionamento com o homem, na verdade soamos como verdadeiros hipócritas porque nós mesmos andamos em inimizade uns com os outros.

Não digo que tudo é fácil de engolir. Certamente algumas doses são bem amargas.

Por exemplo, quando o Marco Feliciano disse na Comissão do Impeachment que representava os evangélicos, eu quase me senti agredido, porque, como cidadão, ele não tem meu voto (ainda), ou seja, ele não pode falar por mim.

Também acho difícil demais digerir alguns discursos do Silas Malafaia, Valdemiro Santiago, Edir Macedo, entre muitos outros. Mas eu tenho descoberto que o caminhar em honra acaba abrindo portas para influenciar aqueles que já tem influenciado centenas/milhares de pessoas.

Assim, ao invés de me posicionar como um hater, tenho descoberto um novo caminho, onde nem sempre é preciso concordar pra andar junto.

Pois eu creio que boa parte das pessoas que não se consideram “cristãs” até acreditam em Jesus, sim. Talvez o tenham mais como um “amuleto” ou um “ser evoluído”, do que como Senhor em suas vidas. Eu entendo…

Mas eu também acredito que quando o nosso ego e a nossa arrogância sair do caminho na ganância de desenvolver o maior ou o melhor ministério, o Evangelho que pregamos será muito além do que um “Jesus te ama” falado através um sorriso amarelado, mas será acompanhado de poder, capaz de transformar toda uma vida.

E esse Jesus que eu conheço será irresistível para todos, assim como é para mim.

Que nos tornemos o amor.

comentariofacebook

Leia também:
Eu não vou pedir por respeito, eu vou apenas continuar vivendo o Evangelho
Me desculpa se a igreja te machucou [parte 2]
– Como lidar com uma pessoa que fala mal de todo mundo
Até que ponto confiar em Deus?


Quer descobrir onde estarei ministrando?
Clique em Agenda para mais informações e convites.

 

Um comentário sobre “Os Religiosos São Os Outros

  1. Ótimo post. Concordo com você. Inclusive se todos os cristãos se unissem independente de suas denominações para orar pela nação creio que ocorreria um grande avivamento como ocorreu em alguns países além do que o testemunho de amor impactaria a muitos! Parabéns!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s